Obrigada pela visita!

6 de Outubro de 2014

n u d e ∇ [L]


é uma variação desta peça , mas num tamanho maior (40 x 60cm) e segue hoje para uma ilha bonita do nosso país, a Madeira. deu-me um gozo imenso fazê-la, assim como me dá espalhar mais um pedacinho deste meu projecto-do-coração, saber que vai para uma casa nova, ter um propósito, embelezar um canto, uma divisão. cada peça demora tempo, (muito!),  é dedicação pura, é feito mesmo com alma e do coração, mas por incrível que pareça, não me custa separar de cada uma delas. Talvez porque olho para cada peça como uma espécie de talismã de boa energia, uma partilha de coisa boa. não somos só nós que escolhemos os objectos, eles também nos escolhem a nós, por isso tenho a certeza que quem escolhe cada uma destas peças, a escolhe com carinho...agora é hora de partir para mais um desafio, para mais uma peça. nos entretantos, estou aqui, juntem-se a mim.

30 de Setembro de 2014

n´A T e r r a


este fim-de-semana rumámos a sul para mais do que passar uns dias tranquilos, ter uma experiência enriquecedora de campismo ecológico de luxo. Fomos para "A Terra" encantada que o Francisco e a Claúdia fizeram nascer há cerca de três anos. Neste vale em São Teotónio, perto da Zambujeira do Mar, vive-se em comunidade, dorme-se em tendas tipi, há conforto mas não há grandes tecnologias, as palavras de ordem são descansar, aproveitar a natureza, aprender sobre construção sustentável,  perceber como é possível viver sem agredir a mãe Natureza e tirar partido da propriedade e do que ela tem para oferecer. 

Na tenda principal, juntam-se os hóspedes, ouve-se música, lê-se livros, os miúdos brincam, conversa-se e trocam-se ideias, como se de uma grande família se tratasse. Nesta pequena fazenda, é possível fazer passeios a cavalo, brincar com burros, ver galinhas e cabras, ter aulas de yoga, fazer massagens, ou dar mergulhos e remadas de kayak na praia fluvial. 

O Daniel é o cozinheiro de serviço, e directamente da sua horta, saem os melhores legumes e frutas para os pratos que tranquilamente prepara e fazem as delícias de miúdos e graúdos, juntando à mesa todos quantos estão n' A Terra

Para quem quiser embarcar nesta aventura, o meu conselho é ir de espírito e mente aberta, pronto para se adaptar e para tirar partido da experiência. As casas-de-banho, por serem secas, são geralmente o que criam maior atrito de início, bem como os chuveiros que, com água aquecida a painéis solares, podem não ser tão quentes como os de casa. 

Contudo, a simpatia de quem nos recebe, a decoração das tendas, a comida, o pequeno-almoço caseiro, o ambiente familiar e a paz que se vive por ali, compensam as estranhezas habituais. 

De futuro, o Francisco e a Cláudia não vão aumentar a capacidade do campismo mas vão apostar em explorar e diversificar as experiências, nomeadamente ensinando a fazer vinho e queijo e explorado novos conceitos de construção sustentável, como a taipa (construção em terra), fardos de palha e pneus.

Eu vou voltar!












26 de Setembro de 2014

n o m a d


o dia hoje vai ser duro e longo, mas lá ao fundo, há uma recompensa...tudo a postos para o nosso fim-de-semana nómada, faça chuva ou faça sol!
para os espíritos livres que andam por aí, prometo updates via instagram. conto tudo no regresso. bom fim-de-semana...

ps: levo o tear na mala para ir adiantando trabalho e porque tecer num fim-de-semana assim, só pode ser inspiração.

foto: sooo.nl
   

23 de Setembro de 2014

p a p e r & c r a f t s




o mercado mais cool e trendy de Lisboa e arredores vai ter uma edição especial e im-per-dí-vel já no próximo dia 25 de Outubro. A Caza e Quinta de Cima do Pé da Serra, em Almoçageme (Colares) vai abrir as portas para uma edição especial dedicada ao papel, design e crafts originais -  o Coolares Paper & Crafts! 

O evento é organizado por mim e pela Ana da Save the Date que garantimos muita diversão, muitas coisas lindas de morrer e um dia muito bem passado. Papéis, design, estacionário, ilustrações, notebooks, agendas, origamis e workshops são algumas das surpresas que temos reservadas. Juntam-se a nós neste evento? 


Ainda estamos a receber propostas de marcas que queiram juntar-se a este dia de festa, por isso, se alguém desse lado tem uma marca que se enquadre no espírito do mercado, façam-nos chegar informação pelo email coolares.papercrafts@gmail.com 

Espero por vocês todos lá!

22 de Setembro de 2014

r e s t y l i n g


tinha reservado a hora de almoço de hoje para comprar material. mas como são pedro anda feito num porreiro, fiquei retida em frente ao computador - porque ou era isso, ou uma valente molha. decidi fazer um pequeno exercício de restyling ao meu espaço de trabalho. já ando ao tempo à procura de cestos giros, que fiquem por baixo da mesa e onde possa colocar lãs e fios; contudo, preciso sempre de ter à mão as cores e texturas que estou a usar na peça que tenho no tear, por isso um cesto mais pequeno para ficar em cima da mesa faz muita falta. o tapete para tornar a cadeira mais confortável é uma das compras para ontem e por último um notebook nunca é demais para desenhar e apontar ideias e sugestões. é sempre bom mudar, arrumar e destralhar em setembro não é? quem anda a fazer o mesmo?

fotos: 1/2/3/4

                                               

16 de Setembro de 2014

w a t e r g r e e n


mais um desafio concluído. a "C" queria uma peça para o quarto e de preferência que fizesse pandam com um móvel verde-água que lá tem. deu-me as directrizes e as cores. quase automaticamente fui buscar referências à natureza - de cores, de imagens, de texturas. o resultado é meio rústico, acho eu, e introduz bem o mês de Setembro e o Outono. mas a "C" não se ficou por aqui, e juntamente com este pedido, fez-me outro para o quarto dos mais pequenos...mas esse ainda não posso contar! ficam desse lado à espera? eu sei que tenho sido um pouco ausente, mas juro que é só por óptimos motivos!

3 de Setembro de 2014

s e t e m b r o


querido setembro,
sei que vais ser um mês trabalhoso, cheio de afazeres, que me vais tentar tirar do sério com compromissos e obrigações, mas que no fundo vais ser um mês bom. és o mês dos recomeços para muitos, eu própria confesso que olho muitas vezes para ti como uma espécie de janeiro, mas este ano, não sei se porque o verão soube a pouco, se porque as férias voaram ou se porque o calor se instalou, ainda estou a ver-te meio de esguelha, ainda sinto alguma moleza no corpo e tem alturas que parece que ando num estado de hipnose qualquer provocado por uma sensação de não querer que os dias de verão acabem nunca. mas está na hora de despertar devagarinho. para os teus 30 dias estipulei algumas metas: dar resposta às encomendas pendentes [e aqui, agradeço a paciência de quem tem esperado. são peças manuais, requerem tempo e atenção e tenho tentado focar-me em cada uma de uma forma especial. não quero entrar numa espiral de trabalho que lhes tire essa magia e as torne em peças feitas "a três pancadas"]; quero sempre que possível ir à praia ver o pôr-do-sol; continuar focada no meu caminho; meter a inércia de lado e retomar o exercício; dar aquele corte no cabelo que nos ajuda a recomeçar; meter cá fora peças novas em que ando a trabalhar; escapar um fim-de-semana para um lugar novo e no meio disto tudo, descansar o suficiente para conseguir colocar em prática tudo o que escrevi atrás. por isso setembro, deixa o sol ficar por perto que isso ajuda muito, e sê brando.